Páginas

sexta-feira, 28 de março de 2014

A Bíblia É A Revelação de Deus – Parte 2 (E.T.)


Na matéria intitulada A Bíblia É A Revelação de Deus, estivemos mostrando o ponto de vista Ortodoxo sobre a Bíblia e a revelação nela contida.
Nesta segunda parte, quero mostrar o ponto de vista modernista sobre a Bíblia. De acordo com o Modernismo ou o que se pode também chamar de Nova Teologia, as Escrituras são aquilo que você irá ler a seguir.
Para o Modernismo a Bíblia não é uma revelação de Deus, Ela não foi dada de forma sobrenatural. Simplesmente procedeu de dentro do homem; não veio de Deus. Portanto, não tem mais autoridade do que qualquer outra literatura humana.
O Modernismo acredita que a Bíblia é simplesmente um livro onde está registrado a experiência humana. Onde se mostra as convicções de homens em várias épocas sobra as questões religiosas.
Crer também que não há nenhuma finalidade, uma vez que aquilo que parecia verdadeiro aos homens no passado, é obsoleto em outras épocas e que pode ser desbancado por novas concepções e convicções. Ela pode ser valiosa como um livro de história de pensamento religioso, mas não deve ser considerada como expressão da verdade certa e imutável.
O Modernismo crer também que as escrituras não são infalível como regra de fé e prática. Que os milagres nela apresentados são apenas a interpretação de uma época atrasada e supersticiosa. Que as profecias nela contidas não são predições, mas a expressão das elevadas aspirações e anseios de idealistas. Que as Escrituras não são essenciais ao Cristianismo.
      O modernismo acredita que a humanidade está sempre marchando, e por isso renunciam o passado. Para o modernismo nada é fixo, tudo é móvel e alterável, o que eles dão o nome de progresso. Portanto a Bíblia não pode ser um livro que contenha verdades permanentes. 
Para o Modernismo as afirmações que as escrituras fazem como sendo fatos, são consideradas como meramente simbológicas.

Uma breve resposta ao ponto de vista Modernista sobre a Bíblia nos fará ver que o Modernismo destrói a Bíblia como testemunha digna de crédito e confiança. Ninguém que considere devidamente a razoabilidade da Bíblia, e medite no fato de suas profecias, que aceite a autoridade de Jesus Cristo, aceita o ponto de vista modernista., pois este não condiz com os fatos e é demasiado subjetivo.

O Maior Inimigo do Homem – Parte 2 (E.T.)


Quando temos conhecimento, esse conhecimento nos liberta. Isso está relacionado a qualquer área de nossa vida. É preciso investir no próprio conhecimento. Comprar livros, ler de tudo, e destruir a ignorância.
A palavra hebraica para ignorância é a palavra “escuridão”. Nas escrituras Satanás é chamado de Príncipe das Trevas, o que significa que ele governa pela ignorância. Quando você é ignorante você dá a ele poder.
Em contra partida, o oposto da escuridão ou trevas é a luz. A palavra hebraica para luz é a palavra “conhecimento”. E Jesus é chamado a Luz do Mundo.
 Jesus disse: “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” (João 8. 32). Mais verdade, mais liberdade. Então estude. Invista no conhecimento.
Eu passei alguns anos da minha vida estudando, aprendendo acerca daquilo que a teologia ensina. Depois passei mais alguns anos estudando assuntos relacionados à psicologia. Tudo o que eu sei aprendi de alguém. Então adquira conhecimento. Mate a ignorância. Não seja mais um que fala sem conhecimento: “então entenderás o temor do Senhor, e acharás o conhecimento de Deus” (Provérbios 2. 5).
Meu objetivo é ajudar você com as matérias que estarei postando neste blog, em relação à Teologia. Desejo que Deus abra seu entendimento para aquilo que você irá ler. É meu amor em mostrar Deus para os que precisam.
Vejo muitos ministérios transformando suas bênçãos em maldições por causa da mentira que em vivem sua vida e por causa da falsidade de seus ensinos.
O Evangelho trás fascinação, ao contrário disso, a religião necessita de atratividade. Muitos estão preocupados com o número de seguidores e para isso deterioram a mensagem deste em detrimento daquela.
Uma frase interessante que ouvi no filme Herry Potter e as Relíquias da Morte: “É o grande comprometimento que determina o sucesso, e não o número de seguidores”.
No momento em que deixamos de aprender perdemos o direito de ensinar: “Cessa, filho meu, de ouvir a instrução, e logo te desviarás das palavras do conhecimento” (Provérbios 19. 27).
Que o Senhor permita que Seu Espírito nos guie por esse caminho do entendimento.

quarta-feira, 19 de março de 2014

Perca Peso Fazendo o Que Se Gosta


Para quem sofre com a questão sabe que emagrecer não é uma tarefa fácil. Todos nós conhecemos alguém que entrou na academia e um mês depois parou, ou alguém que está fazendo algum tipo de regime que exige esforços mirabolantes. Mas é possível se divertir enquanto se emagrece!
Em 2012 um dado alarmante divulgado pelo Ministério de Saúde, divulgou que quase metade dos brasileiros está acima do peso: 48,5%. Dentro desse quadro, 13% são considerados obesos.
Baseado nesta pesquisa, as informações são de que nos últimos trinta anos a obesidade duplicou entre os adultos e triplicou entre as crianças.
Mas o que está causando este aumento? As principais causas são a alimentação inadequada e a inatividade física.
Alguém mal avisado pode querer utilizar do seguinte texto para suas convicções teológicas: “Pois o exercício corporal para pouco aproveita, mas a piedade para tudo é proveitosa, visto que tem a promessa da vida presente e da que há de vir” (1Timóteo 4. 8).

Todavia o que o apóstolo Paulo está ensinando a Timóteo nesta sua primeira carta a ele, é o contraste entre o valor de curto prazo do exercício físico em relação aos benefícios de longo prazo da piedade. Pois o exercício físico inclui aspectos presente como obediência e uma vida com propósitos: “eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” (João 10. 10). Já a piedade influência a vida cristã, tanto no presente como no futuro. Envolvendo, portanto, maiores recompensas no Reino de Deus: “segundo a graça de Deus que me foi dada, lancei eu como sábio construtor, o fundamento, e outro edifica sobre ele; mas veja cada um como edifica sobre ele. Porque ninguém pode lançar outro fundamento, além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo. E, se alguém sobre este fundamento levanta um edifício de ouro, prata, pedras preciosas, madeira, feno, palha, a obra de cada um se manifestará; pois aquele dia a demonstrará, porque será revelada no fogo, e o fogo provará qual seja a obra de cada um. Se permanecer a obra que alguém sobre ele edificou, esse receberá galardão. Se a obra de alguém se queimar, sofrerá ele prejuízo; mas o tal será salvo todavia como que pelo fogo” (1 Coríntios 3. 10-15). 
Portanto praticar exercícios físicos não é pecado. A negligência com o templo de Deus, que é o nosso corpo, isso sim se torna pecado.
Para quem quer iniciar uma atividade física, não precisa fingir que está gostando. Pois na prática do exercício, são liberadas no corpo as endorfinas, que são os hormônios responsáveis pelo prazer e pelo bem-estar.

Perca Peso Fazendo o Que Se Gosta - Continuação

E o que são as endorfinas? Endorfinas são substâncias opioides. Elas têm esse nome justamente por provocarem sensações parecidas com as do ópio, que é uma substância entorpecente extraída da papoula.
E que sensações são essas? São as de sentimento de recompensa e prazer. São essas sensações que motivam as pessoas a praticarem exercícios.
Uma coisa a levar em consideração é que quando falam que vicia, vicia mesmo, tanto quanto o álcool ou o cigarro. 
Mas para se viver em bem estar, não adianta se fechar numa academia e fazer séries de exercícios durante horas. É preciso procurar uma atividade que lhe seja prazerosa, que lhe anime a sair de casa para praticar. Se você não gostar de caminhar, não adianta querer praticar corrida. Da mesma forma seocê não gosta de água, não adianta querer praticar natação. É preciso fazer algo que anime você a sair.
 Lembre-se você está buscando como propósito “uma vida em abundância”.
O benefício da prática do exercício físico pode ajudar também em doenças como a depressão e o colesterol alto.
Exercício físico para curar a depressão pode ser endossado por médicos que dizem que eles são indicados como coadjuvantes. Fazer exercícios físicos ao ar livre, com vento e sol, ajuda na maior liberação de endorfina, e com isso a pessoa se sente mais entusiasmada.
Isso é indicado também para quem tem altas taxas de colesterol em seu sangue.
Tudo se modifica quando a pessoa começa a se exercitar. Pois mudam o humor e a disposição. Perder peso melhora a autoestima, pois mexe com o emocional das pessoas.
É bom lembrar também que atitudes como subir escadas e ir a pé para algum destino também são exercícios que as pessoas podem optar. Ou quem saber começar a praticar uma dança. Isso pode até mesmo servir de terapia para muita gente.
Mas é bom lembrar uma coisa, antes de começar a praticar exercícios físicos é bom procurar um médico, pois pode haver limitações, que as pessoas devem observar.
Por último e não pouco importante, é preciso ficar atento no prato. Para se emagrecer é preciso comer. Mas lembrando-se que é preciso reeducar o modo de se alimentar. Não adianta querer fazer uma dieta restrita ou jejum. Não é preciso passar vontade de nada. Apenas é necessário diminuir e equilibrar aquilo que se come.
Depois dessa dica, é só começar a se mexer e... Boa saúde!