Páginas

quarta-feira, 29 de fevereiro de 2012

O Ser Humano e as Emoções – Parte 2


  
 Através dos séculos a religião tem sido considerada fator importante na preservação da saúde mental do homem.
Se observarmos a história da medicina, descobriremos que os primeiros psicoterapeutas eram sacerdotes. E até hoje existe uma relação estreita entre psicoterapia e religião.
Eu costumava dizer a meus alunos no seminário que a Igreja é uma comunidade terapêutica e curadora. Ali os relacionamentos e a vivência das pessoas estão sob a ação do amor e da Graça Divina.
São muitas as coisas que nos causam tensão. Seja uma exigência conosco mesmo, com as pessoas, coisas que acontecem no trabalho, nos relacionamentos, circunstâncias da vida e muitas vezes até mesmo aquelas coisas que tem a ver com a nossa responsabilidade cristã.
Existe hoje uma grande parte da sociedade que está enferma e carente da Graça Curadora de Cristo.
Toda essa tensão somada à ansiedade causa as conhecidas neuroses. Neuroses são as desordens de sentido e de movimentos causadas por efeitos gerais do sistema nervoso. Atualmente a psicologia denomina isso de transtorno mental, pois embora cause tensão, não interfere com o pensamento racional ou com a capacidade funcional da pessoa. Bem diferente da psicose que é uma desordem mais severa.
O que eu costumava deixar claro para meus alunos é a seguinte questão: devemos entender a Igreja como uma comunidade de fé, adoração e serviço. Mas ela também serve muito bem como uma comunidade terapêutica e curadora. Pois todos nós que estamos incluídos dentro dessa comunidade, devemos estar envolvidos nela para cooperarmos e ajudarmos uns aos outros a suportar e superar suas situações de crises.
A Bíblia nos apresenta o seguinte ensinamento: “Irmãos, se um homem chegar a ser surpreendido em algum delito, vós que sois espirituais corrigi o tal com espírito de mansidão; e olha por ti mesmo, para que também tu não sejas tentado. Levai as cargas uns dos outros, e assim cumprireis a lei de Cristo. Pois, se alguém pensa ser alguma coisa, não sendo nada, engana-se a si mesmo. Mas prove cada um a sua própria obra, e então terá motivo de glória somente em si mesmo, e não em outrem; porque cada qual levará o seu próprio fardo. E o que está sendo instruído na palavra, faça participante em todas as boas coisas aquele que o instrui (Gálatas 6. 1-5).
Orar, ter empatia, saber ouvir, ajudar, perdoar, sendo suporte e levando a carga uns dos outros, estaremos cumprindo o principio ensinado por Jesus, o princípio da Lei da Vida - Ele veio para nos dar “vida e vida em abundância” (João 10. 10).

Leia também:
O Ser Humano e as Emoções
O Ser Humano e as Emoções – Parte 3

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Formas Não Verdadeiras de Falar do Evangelho



   
  “E conhecereis a verdade, 
e a verdade vos libertará”

Existe um grupo enorme de pessoas desiludidas com o Evangelho.
Isso devido a um grupo de pessoas hipócritas e intolerantes que fazem do cristianismo uma forma de religião legalista, ou outras vezes ortodoxa.
A forma como vemos as coisas fará toda a diferença, pois o que você vê pode não ser verdadeiro.
Como o exemplo a seguir, o que você vê?


Forma não verdadeira de ensinar o Evangelho tem deixado muita gente, frustrada, desiludida, doente intimamente.
Promessas como: “Se você aceitar Jesus, nunca mais terá problemas”, “Entregue tudo que você tem no bolso e Deus lhe dará em dobro”, tem trazido para a igreja pessoas na esperança de ganho fácil, mas que não querem nenhum compromisso com a verdade.
“Jesus, porém, lhes respondeu: Errais, não compreendendo as Escrituras nem o poder de Deus” (Mateus 22. 29).
O que vemos são igrejas cheias, e pessoas que não tiveram um novo nascimento. É vir para a igreja sem um nascer de novo.
Crer em Jesus dessa forma certamente deixará qualquer pessoa desapontada. É usar a fé de forma errada, o que conseqüentemente acarretará na perda dessa fé. E se ouvira mais uma vez a seguinte frase: “Minha religião fracassou”, ou “Orei tanto pra nada”.
Tentar apresentar Cristo dessa forma, pode estar cobrindo um certo tom fanático em seu dogmatismo.
É melhor dá ouvidos a quem quer lhe instruir: “Não fique pensando que você é sábio; tema o Senhor e não faça nada que seja errado” (Provérbios 3. 7).
E isso aí!

Baseado em João 8. 32.

Mentes Condicionadas

Liguei meu computador e esperei ele inicializar.
Enquanto esperava olhei pela janela. No quintal de minha casa vi meu cãozinho andando em direção as flores no jardim. Um pouco mais adiante, na rua, um empregado da limpeza pública, um gari, fazia o seu trabalho. Ele usava uma vassoura para varrer a rua e juntava o lixo num canto para que o caminhão viesse mais tarde e seus colegas de trabalho o recolhessem.
Meu computador estava pronto.
Comecei a imaginar a cena do gari na sua limpeza de rua e acabei fazendo uma analogia com o verdadeiro estado da humanidade.
Com tantas cenas macabras que assistimos nos telejornais e noticiários, percebemos que a situação mundial não está das melhores.
Tudo isso é resultado da condição de mentes condicionadas ao pecado. E não adianta querer dizer que isso não existe, pois o resultado está aí na minha e na sua cara. E dificilmente você encontrará alguém que não tenha sido vítima de algum tipo de violência.
Infelizmente nossa justiça muitas vezes faz como o gari que varre o lixo e junta num canto, esperando que alguém de um jeito mais tarde.
Com isso o que podemos esperar é que a criminalidade, a injustiça, a corrupção, os roubos descarados aumente cada vez mais.
O único livro capaz de mostrar a verdadeira face da humanidade se chama Bíblia. Uma coleção de livros que muitos não querem crer talvez até mesmo para não ter de encarar quem ele é de fato.
“Nós sabemos que tudo o que a lei diz é dito para os que vivem debaixo da lei. Isso a fim de que todos parem de se justificar e a fim de que todas as pessoas do mundo fiquem debaixo do julgamento de Deus” (Romanos 3. 19).
Quando lemos a Bíblia descobrimos o verdadeiro estado em que se encontra a humanidade.
A primeira verdade em relação a isso é que todos pecaram: “Todos pecaram e estão afastados da presença gloriosa de Deus” (Romanos 3. 23 – BLH).
A segunda verdade em relação ao estado da humanidade é que não há nenhum justo: “Como dizem as Escrituras Sagradas: ‘não há ninguém que faça o que é certo; não há ninguém que tenha juízo; não há ninguém que adore a Deus. Todos se desviaram do caminho certo, todos se perderam. Não há mais ninguém que faça o bem, não há ninguém mesmo. Todos mentem e enganam sem parar. Da língua deles saem mentiras perversas, e dos seus lábios saem palavras de morte, como se fossem veneno de cobra. A boca deles está cheia de terríveis maldições. Eles se apressam para matar. Por onde passam, deixam a destruição e a desgraça. Não conhecem o caminho da paz e não aprendem a temer a Deus’” (Romanos 3. 10-18 - BLH)
A terceira verdade é que todos enfrentarão o juízo de Deus: “Cada pessoa tem de morrer uma vez só e depois ser julgada por Deus” (Hebreus 9. 27 - BLH).
Meu camarada, a boa noticia é que a Lei foi feita para nos conscientizar dos nossos erros: “Pois ninguém é aceito por Deus por fazer o que a lei manda, porque a lei faz com que as pessoas saibam que são pecadoras” (Romanos 3. 20).
A Lei existe porque as pessoas erram, por que transgridem a lei, essa é a definição de pecado, transgressão da lei. Assim não existe nenhum justo.
E a boa notícia é que “Deus nos salvou e nos chamou para sermos o seu povo. Não foi por causa do que temos feito, mas porque este era o seu plano e por causa da sua graça. Ele nos deu essa graça por meio de Cristo Jesus, antes da criação do mundo. Mas agora ela foi revelada a nós por meio do glorioso aparecimento de Cristo Jesus, o nosso Salvador. Ele acabou com o poder da morte e, por meio do Evangelho, revelou a vida que dura para sempre” (1 Timóteo 1: 9, 10).
Para as mentes condicionadas ao erro, cabe aqui um exercício mental de mudança de mente para experimentar o que é bom de fato: “Não vivam como vivem as pessoas deste mundo, mas deixem que Deus os transforme por meio de uma completa mudança da mente de vocês. Assim vocês conhecerão a vontade de Deus, isto é, aquilo que é bom, perfeito e agradável a ele” (Romanos 12. 2).
Pare de jogar o lixo debaixo do tapete. Pare de junta-lo num canto.
O único que pode recolher todo o seu lixo relacional, emocional, existencial, é Jesus. É Ele que vai limpar sua alma e trazer um novo vigor para sua vida.
Pense nisso, ta?

sábado, 25 de fevereiro de 2012

Mensagem : Buscando Sempre A Verdade

________________________________________
________________________________________
Mensagem baseada em Hebreus 11. 39.

Dentre os muitos desafios que temos que enfrentar para obtermos a realização de um novo modo de vida, está um que parece quase impossível diante a realidade que encontramos em nosso país e no mundo.
É a realidade de que todo mundo mente.

segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

Amai Uns Aos Outros

"Amai-vos uns aos outros
assim como Eu vos amei".
João 13:34.

Jesus e o Vício


“Jesus não tinha uma palavra para vício, mas Ele compreendia que quando criamos “deuses” que exigem a nossa atenção a ponto de destruirmos os nossos relacionamentos com outras pessoas, certamente estamos com graves problemas." 
Mark W. Baker


"Onde estiver o vosso tesouro, 
aí estará o vosso coração".
Lucas 12:34


Leia também:


Baseando-se em dados de pesquisas de diferentes anos no nosso país, é possível concluirmos que:
  • Cerca de 5% da população mundial entre 15 e 64 anos já usou drogas ilícitas;
  • A guerra às drogas já custou mais de 1 trilhão de reais para o nosso país;
  • 28 milhões de pessoas no Brasil têm algum familiar dependente químico.
  • A luta contra as drogas no nosso país é de longa data. A melhor forma de combate, sem dúvidas, é a prevenção.

No Curso de Prevenção ao uso de Drogas, nosso objetivo é transmitir conhecimentos e atender a todos de uma maneira geral, seja você que tem um familiar em casa que seja usuário, ou você que é um educador e deseja ensinar seus alunos sobre o assunto.

Para se matricular clique na foto acima, ou clique AQUI.


quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Mensagem: Não Temais

________________________________________
________________________________________

Mensagem baseada no texto de Mateus 14. 22-33.

"A vida nem sempre é um mar de rosas".

O Ferreiro


 

Encontrei uma estória no Jornal Mundo Gospel. da qual me identifiquei com ela. Pois meu pai era ferreiro e ele me ensinou alguns princípios dessa profissão. Houve um tempo que trabalhei como ajudante dele numa grande empresa. O que aprendi desse tempo tem muito a ver com a estória apresentada.

A estória é a seguinte:

Havia um ferreiro que, após uma vida de excessos, resolveu consagrar sua vida a Deus. Durante muitos anos trabalhou com afinco na obra do Senhor, mas apesar de toda sua dedicação nada parecia dar certo em sua vida. Muito pelo contrário, seus problemas aumentavam cada vez mais.

Uma bela tarde, um amigo que se compadeceu de sua situação difícil, veio visitá-lo e disse: “É realmente estranho que justamente depois que você resolveu se tornar um homem temente a Deus sua vida começou a piorar. Eu não desejo enfraquecer sua fé, mas apesar de toda a sua dedicação e toda a sua crença no mundo espiritual, nada tem melhorado.”

O ferreiro não respondeu imediatamente. Ele já havia pensado nisso muitas vezes sem entender o que estava acontecendo em sua vida. Mas, com o tempo, aprendeu que Deus tem propósitos para tudo e que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que o amam. Ele sabia que deveria confiar em Deus e permanecer firme. Então, vendo a oportunidade começou a explicar ao seu amigo: Eu recebo nesta oficina o aço ainda não trabalhado e preciso transformá-lo em espadas. Você sabe como isto é feito? Primeiro eu aqueço a chapa de aço num calor absurdo, até que fique vermelha. Em seguida, sem qualquer piedade, eu pego o martelo mais pesado e aplico golpes até ‘que a peça adquira a forma desejada. Logo, ela é mergulhada em um balde de água fria e a oficina inteira se enche com o barulho do vapor. Tenho que repetir esse processo até conseguir a espada perfeita, pois apenas uma vez não é suficiente.

O ferreiro deu uma longa pausa, pensou e continuou: “Às vezes, o aço que chega em minhas mãos não consegue agüentar esse tratamento. O calor, as marteladas e a água fria terminam por enche-lo de rachaduras e eu sei que jamais se transformará numa boa lâmina de espada. Então, eu simplesmente o coloco num monte de ferro-velho, como este que você viu na entrada de minha ferraria.”

Mais uma vez o ferreiro deu uma pausa, pensou e concluiu: “Sei que Deus está me colocando no fogo das aflições. Então, procuro aceitar as marteladas que a vida me dá. As vezes sinto-me tão frio e insensível como a água que faz sofrer o aço. Não é fácil, mas a única coisa que peço é que o meu Deus não desista até que eu consiga tomar a forma que Ele espera de mim. Da maneira que for, leve o tempo que precisar, mas jamais quero ser jogado no “ferro-velho”.

Deus o ama e quer fazer de você uma pessoa melhor. Não se preocupe com as marteladas da vida, ou as provas de fogo a que é submetido. Ele está moldando o seu caráter. E o mais importante é que sabemos que Ele nunca desistirá de nós.

“Mas Ele me disse: ‘Minha graça é suficiente para você, pois o meu poder se aperfeiçoa na fraqueza’. Portanto, eu me gloriarei ainda mais alegremente em minhas fraquezas, para que o poder de Cristo repouse em mim. Por isso, por amor de Cristo, regozijo-me nas fraquezas, nos insultos, nas necessidades, nas perseguições, nas angústias. Pois, quando sou fraco é que sou forte.” (2 Coríntios12.9:10 - NVI).




terça-feira, 14 de fevereiro de 2012

El Espíritu de Sabiduría y de Revelación



"Por esta causa también yo, habiendo oído de vuestra fe en el Señor  Jesús, y de vuestro amor para com todos los santos,
No ceso de dar gracias por vosotros, haciendo memória de vosotros  en mis oraciones,
Para que el Dios de nuestro  Señor  Jesucristo el padre de gloria, os dé espíritu de sabiduría y de revelación  en el conocimiento de él"

Efesios 1. 15-17.

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Pequena Reflexão Sobre o Carnaval


Bem-aventurado todo aquele que 
teme ao Senhor e anda 
nos seus caminhos.
... feliz serás, e te irá bem.

A palavra Carnaval vem do italiano "Carnavale". A origem da palavra já nos diz a finalidade desta festa. O que vale é a carne.
Esta palavra também pode ser sinônimo de orgia.
Muitas desgraças morais estão instaladas nas pessoas, nos lares e família por causa desta festa.
Os tímidos nesta hora se escondem por traz das mascaras. Os adultérios se multiplicam, também as fornicações e as inversões dos valores sexuais. Mulheres e meninas ficam grávidas e  não sabem quem é o pai.
A carnalidade envolve o carnaval.
Carnaval também envolve o religioso. Os ritmos dos tambores são ritmos que envolve a invocação de entidades. Lembrando-nos do que acontece nos terreiros de Umbanda e Candomblé.
Carnaval também pode ser sinônimo de folguedos, alegria. Mas, essa alegria acaba na quarta-feira de cinzas.
É assim com os prazeres deste mundo. É uma alegria apenas aparente e passageira. A Bíblia nos ensina que o jubilo dos perversos é breve, a alegria dos impios momentânea.
Tudo parece festa. Mas no último dia desta folia as máscaras caem e aí terão que enfrentar a dura realidade.
Só existe uma alegria verdadeira. É a do crente Bem-aventurado, aquele que teme ao Senhor e anda nos seus caminhos... feliz será e tudo lhe irá bem. Bela realidade!
Deixemos os prazeres do mundo e voltemo-nos para Jesus e seremos felizes agora e para sempre.

Citações da Bíblia: Salmos 128:1,2; Jó 20:5.


Pequena Reflexão Sobre o Carnaval - Parte 2


“Puseste no meu coração mais alegria do que a deles”

Certa vez uma menina chamada Tânia, de 15 anos, bonita e simpática, no carnaval divertiu-se ao máximo. Influenciada por amigos, ingeriu álcool e drogas. Sem opor qualquer resistência deixou-se seduzir. Perdeu a pureza.
Dias mais tarde os jornais noticiaram: "Carnaval, Jovem Seduzida Suicidou-se". Era Tânia. Ela não suportara as conseqüências   fúteis do reinado momentâneo. Alegria que se transformou em tragédia.
Isso é o que acontece quando buscamos os prazeres e divertimentos deste mundo.
Pura ilusão!
Tânia tentou alegrar e satisfazer os desejos do seu coração. Mas a Bíblia nos adverte que enganoso é o nosso coração. Portanto não é sempre que podemos acreditar em nossos sentimentos. Não são eles os donos da verdade.
Muitas vezes os jovens são tentados por seus amigos a passarem por momentos constrangedores simplesmente para provarem que podem fazer parte de determinada  turma. Mas, o mundo é mal e só quer ver o mal do seu próximo.
Muito melhor é renovar nossos pensamentos e atitudes, e resistir à essas provações, que só levam a desgraças.
Jesus é quem pode dar uma alegria muito melhor do que a deles. Uma alegria que ninguém pode tirar. Experimente você também. E faça prova dessa realidade.


Citações da Bíblia: Salmos 4:7; Jeremias 17:9; João 16:22.


domingo, 5 de fevereiro de 2012

Mensagem: Como Girassol

________________________________________
________________________________________
Mensagem Baseada no texto de João 1: 4.

Como o girassol depende da luz do sol para viver, 
a humanidade deve seguir 
o caminho da luz de Deus.

I Love You


"De fato, quando não tínhamos forças espirituais,
Cristo morreu pelos maus, no tempo escolhido
por Deus.
Dificilmente alguém aceitaria morrer por uma 
pessoa que obedece às leis. Pode ser que alguém
tenha coragem para morrer por uma pessoa boa.
Mas Deus nos mostrou o quanto nos ama:
Cristo morreu por nós quando
ainda vivíamos no pecado".

(Romanos 5. 6-8)

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Pai

_________________________________________
_________________________________________
Pai

Pai... Como eu confio no teu amor
Pai... Como eu confio no teu favor
Pai... O Senhor é Deus galardoador
Para aqueles que confiam
Pai... Muitos tentaram mas não conseguiram
Pai... Muitos ficaram a beira do caminho.
Pai... Mas eu não vou ser assim....
Pai... Eu vou até o fim
Pai... Eu não vou duvidar do meu Senhor..
Que abre a porta e fecha a porta quando quer!!
Eu seria louco em duvidar.
Desse Deus que não falhou e nem falhará...
Desse Deus que não falhou e nem falhará...
Pai... Como eu confio no teu amor
Pai... Como eu confio no teu favor
Pai... O Senhor é Deus Galardoador
Para aqueles que confiam
Paizão... Muitos tentaram mas não conseguiram
Pai Grandão... Muitos ficaram a beira do caminho.
Pai... Mas eu não vou ser assim....
Pai... Eu vou até o fim
Pai... Eu não vou duvidar do meu Senhor..
Que abre a porta e fecha a porta quando quer!!
Eu seria louco em duvidar.
Desse Deus que não falhou e nem falhará...
Desse Deus que não falhou e nem falhará...



quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

Drogas Na Cabeça

“Quanto ao mais, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é honesto, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se há alguma virtude, e se há algum louvor, nisso pensai” (Filipenses  4. 8).

O motivo pelo qual as pessoas não conseguem abandonar os seus vícios é o fato de eles funcionarem – temporariamente. Voltar-se para algo que produz repetidamente uma espécie de conforto dá às pessoas uma falsa sensação de segurança. Elas conseguem afastar a dor de não conseguirem satisfazer suas necessidades mais profundas. Os relacionamentos são desafiantes e trabalhosos porque nos fazem exigências. As coisas concretas são sempre as mesmas; sabemos o que esperar delas.
Passamos então a precisar de uma quantidade cada vez maior, embora algo dentro de nós saiba que não é dela que realmente precisamos. - Mark W. Baker

“Esforçai-vos não pelo alimento que se estraga
 e sim pelo alimento que permanece até a vida eterna (João 6. 27).