Páginas

terça-feira, 15 de julho de 2014

Limpe Bem A Superfície

Orar é parecido com o tintar uma parede. Existem certas instruções a serem seguidas.
Quando você quer pintar uma parede, você pega uma lata de tinta e ler nas instruções: “Limpe bem a superfície. Remova toda sujeira, graxa, cera e óleo. Raspe a tinta solta. Conserte as rachaduras. Não aplique se a temperatura estiver abaixo de 10 graus centígrados”.
É preciso obedecer às instruções. Viola-las significa acabar com todo o projeto de pintura.
Para orarmos, ou falarmos com Deus. Também há algumas instruções.
Como por exemplo, orar com fé. Na carta de Tiago ele diz que ao orarmos devemos “pedir com fé, sem duvidar” (Tiago 1.5).
O apostolo João escreveu: “... se pedirmos alguma coisa, segundo a sua vontade, Ele nos ouve” (1 João 5. 14). Isso significa que nossa oração deve estar de acordo com a vontade dele. Ele não atenderá pedidos que são contrários as que Ele quer que aconteça. Devemos nos lembrar sempre que é Ele quem está no controle.
Para isso nosso coração deve está puro, sem pecado. Isaias escreveu: “Mas as vossas iniquidades fazem separação entre vós e o vosso Deus” (Isaias 59. 2).
Jesus ensinando aos discípulos disse: “E, quando estiverdes orando, se tendes alguma coisa contra alguém, perdoai, para que vosso Pai celestial vos perdoe as vossas ofensas. Mas, se não perdoardes, também vosso Pai celestial não vos perdoará as vossas ofensas” (Marcos 11. 25, 26).
Deus está bem próximo. Ele não precisa fazer grandes esforços para nos ouvir. Disse Davi: “Perto está o Senhor de todos os que o invocam, de todos os que o invocam em verdade” (Salmos 145. 18).
Mas precisamos limpar bem nossa superfície para que tenhamos uma comunicação bem aproveitável com o Deus criador de todas as coisas.