Páginas

terça-feira, 19 de maio de 2015

Testando os Espíritos

Como cristãos, somos chamados a continuar: "com os nossos olhos fixos em Jesus, pois é dele que depende a nossa fé, desde o começo até o fim" (Hebreus 12:2). Entretanto, muitos falsos profetas têm procurado persuadir-nos a fixar nosso olhar em um Jesus inventado, distorcido, deturpado.

Nos tempos de João esses falsos profetas negavam que Jesus tivesse assumido a forma humana.

Em nosso tempo existe o mesmo. Eis algumas falsas afirmações deles: Jesus foi apenas um bom mestre e modelo; Ele tinha pele e olhos claros. Outros dizem que ele tinha pele escura e olhos profundos; Ele era um deus em meio a muitos outros deuses; Ele está do lado daqueles que procuram libertar, de qualquer forma, os oprimidos; Ele tinha um relacionamento romântico com Maria Madalena.


Como mantermos os nossos olhos fixos sobre o genuíno Jesus? Como provar "o espírito que vêm de Deus?"

Primeiramente, devemos manter-nos atentos ao que as Escrituras têm a dizer a respeito de Jesus. João escrevendo sua primeira carta escreve: “Vocês podem reconhecer o Espírito de Deus deste modo: todo espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne procede de Deus” (1 João 4. 2).

Em segundo, confiar no que a Bíblia diz a respeito dEle, pois: “Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção e para a instrução na justiça, para que o homem de Deus seja apto e plenamente preparado para toda boa obra” (2 Timóteo 3:16,17). 

Toda vez que escutarmos ou lermos alguma opinião sobre Jesus, devemos testá-la com o que o Espírito de Deus diz acerca dEle na Bíblia, a Palavra de Deus.