Páginas

segunda-feira, 16 de junho de 2014

O Valor de Uma Ovelha - Continuação

        A tarefa de ir à busca da ovelha que se perde deve ser do pastor: “Eu sou o bom pastor, o bom pastor dá a vida pelas ovelhas” (João 10. 11).
Se não houver a preocupação com a ovelha, se não souber ouvir a voz da ovelha que se perdeu, isso significa que a ovelha não é importante para você, então você não é um pastor. Jesus diz: “Um empregado trabalha somente por dinheiro, ele não é pastor, e as ovelhas não são dele. Por isso, quando vê um lobo chegando, ele abandona as ovelhas e foge. Então o lobo ataca e espalha as ovelhas. O empregado foge porque trabalha somente por dinheiro e não se importa com as ovelhas” (João 10. 12, 13).
O que um pastor faz, quando ele verdadeiramente é um pastor? “Assim, deixa no campo as noventa e nove e vai procurar a ovelha perdida até achá-la” (Lucas 15. 4). Isso significa deixar em lugar seguro aquelas que estão presentes, orar a Deus pedindo proteção para aquelas que ali estão, e orar em favor daquela que se perdeu e sair a procura dela.
Para quem se preocupa com as vidas perdidas. Por uma alma não alcançada, a alegria de poder trazê-la ao aprisco é muito grande: “Alegrem-se comigo porque achei a minha ovelha perdida” (Lucas 15. 6).
Imagine então no céu o que acontece quando uma alma se rende aos pés de Jesus: “... assim haverá maior alegria no céu por um pecador que se arrepende, do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento” (Lucas 15. 7).
Se por algum motivo você se identificou com esse texto, ore a Deus e seja franco com Ele. Talvez lhe falte amor, talvez lhe falte algo que lhe faça perceber a importância de uma vida para Deus.
João escreveu: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3. 16). Se Deus deu a Sua própria vida, e você não é capaz de ir ao encontro de uma ovelha perdida. Peça a Deus para lhe dar outro oficio, outra vocação e abandone de vez o que você está fazendo agora: “Pois, que aproveita ao homem ganhar o mundo inteiro, e perder-se, ou prejudicar-se a si mesmo?” (Lucas 9. 25).