Páginas

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Adoração a Deus Na Aceitação de Si Mesmo


Olhe-se no espelho por alguns minutos. Você já se aceitou exatamente como você é aos olhos de Deus? Ou sente necessidade de ser amado, aceito, querido e apreciado por qualquer outra pessoa, que não seja Jesus?
Ser uma pessoa madura e que tenha senso de humor significa ter equilíbrio emocional que o possibilita ver a vida sob um ângulo mais positivo. É alguém capaz de aceitar suas limitações e que tem relativo domínio de suas emoções. Ele sabe ter equilíbrio e dosar as coisas, por isso não se sucumbi diante dos contratempos da vida. Não lamenta o passado, porém reergue-se diante dos sofrimentos com ânimo e coragem. “A prova da maturidade emocional é demonstrada pela maneira como se suporta o sofrimento”.
Portanto dê a Deus o que é dEle, isto é você, mesmo que você queira muito possuir sua vida para si mesmo. Deus o ama independente de como você é, você não precisa provar nada a Ele.
A Bíblia diz: “pois, quem quiser salvar a sua vida por amor de mim perdê-la-á; mas quem perder a sua vida por amor de mim, achá-la-á” (Mateus 16. 25).
 Se você ainda não se ama, se você tem esse problema, é hora de aprender a se apreciar, a gostar de você mesmo: “Amarás a teu próximo como a ti mesmo” (Mateus 22. 39).
A conclusão disso é que quando se aprende a amar a Jesus, você aprende a amar sua própria vida. Aprende a apreciá-la como um presente de Deus, apesar de todas as suas limitações.
Agora eu sugiro que você se aproxime de um espelho, olhe-se nele e pare de fugir da realidade. Encare a si mesmo de frente. Nós somos o que somos e pronto. Aquilo que há de pecado em nós pode ser perdoado e purificado, isso nos ajuda a viver felizes com nós mesmos. 
Não precisamos ser outra pessoa, temos que ser apenas nós mesmos. Jesus não nos faz uma nova criação e sim um ser transformado, para a glória dEle, para a alegria dEle e porque não dizer para nossa alegria também.